Novos membros do Conseg de Nova Odessa tomam posse

Tomaram posse na reunião mensal da última terça-feira (11) os novos membros da diretoria do Conseg (Conselho Comunitário de Segurança) de Nova Odessa, que foram eleitos por aclamação. O encontro aconteceu no auditório do Paço Municipal e seguiu todo o protocolo de segurança e distanciamento social do Plano São Paulo contra a pandemia de Covid-19.

O processo eleitoral teve início em fevereiro, e contou com chapa única. Foram eleitos, para o novo mandato de dois anos do conselho, Diego Feitoza (presidente) Jorge Sayfart Júnior (vice-presidente), Adão Souza (primeiro-secretário), Daniel Fujihara (segundo secretário) e Priscila Peterlevitz (diretora Social e de Assuntos Comunitários).

A reunião foi acompanhada pelo chefe de Gabinete e de Segurança da Prefeitura, coronel Carlos Fanti, representando o prefeito Cláudio José Schooder, o Leitinho. Também estiveram presentes os vereadores Elvis Garcia, o Pelé (presidente da Câmara), Professor Antonio, Cabo Natal e Marcia Rebeschini, a presidente do Fundo Social, Juçara Rosolen, o sargento Moacir Carvalho, da unidade local da PM, o comandante da GCM (Guarda Civil Municipal), Luciel de Oliveira, além do investigador Rodrigo Alvarenga, representando o delegado titular da cidade, doutor Diego Bini.

“Foi uma cerimônia rescrita a autoridades e pessoas que já fizeram parte da Diretoria do Conselho, seguindo as recomendações do Plano São Paulo, porém muito especial por mostrar a força histórica que o conselho tem, em virtude das pessoas que já passaram por ele e por ser um conselho regulamentado”, declarou o novo presidente do Conseg, Diego Feitoza.

Conselho de Segurança

Para Carlos Fanti – que acumulou 35 anos de experiência na Polícia Militar de São Paulo, incluindo quatro anos como comandante do 48º Batalhão –, “o sucesso do Conselho depende da participação da comunidade nas discussões e nas reuniões”. “Em nome do prefeito Leitinho, gostaria de cumprimentar a nova diretoria, os agentes de Segurança Pública que atuam na cidade e todos que se interessam pelo tema”, afirmou o coronel.

Os Consegs são grupos de pessoas do mesmo bairro ou município que se reúnem para discutir e analisar, planejar e acompanhar a solução de seus problemas comunitários de segurança, desenvolver campanhas educativas e estreitar laços de entendimento e cooperação entre as várias lideranças locais.

Cada Conselho é uma entidade de apoio à Polícia Estadual nas relações comunitárias, e se vinculam, por adesão, às diretrizes emanadas da Secretaria de Segurança Pública, por intermédio do coordenador estadual para Assuntos dos Conselhos Comunitários de Segurança.

As reuniões ordinárias de cada Conselho são mensais, realizadas normalmente no período noturno, em imóveis de uso comunitário, segundo uma agenda definida por período anual. A Secretaria de Segurança Pública tem como representantes, em cada Conseg, o comandante da Polícia Militar da área e o delegado de Polícia titular do correspondente Distrito Policial.

Sua legitimidade tem sido reconhecida pelas várias esferas de Governo e por institutos independentes, o que permite afirmar que os Consegs representam, hoje, a mais ampla, sólida, duradoura e bem-sucedida iniciativa de Polícia orientada para a comunidade em curso no Brasil.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE