Novos desmanches são proibidos em Americana

Foto ilustrativa
A Câmara de Americana aprovou nesta quinta feira, por unanimidade, o projeto de Lei de autoria do vereador Capitão Crivelari, que proíbe a instalação e a concessão de alvará de funcionamento a novas empresas que explorem serviços de desmanche de veículos, comércio de peças usadas, depósito de sucatas e congêneres.
Segundo Criva , a propositura cria um mecanismo que ameniza as ocorrências relacionadas a furtos e roubos de carros na cidade, tendo em vista que esse ramo de estabelecimento pode estar constantemente exposto à ação de criminosos. ????? um pedido da polícia e da própria população que atividades com grande potencial de nocividade, como essa, sejam restringidas ao máximo e tenham o seu funcionamento rigidamente controlado. Queremos, assim, evitar a criação de um ambiente propício à realização de negócios escusos e práticas comerciais condenáveis.???, disse.

Para Crivelari, a Lei também pode provocar  a diminuição nos valores pagos pelo seguro de automóveis, assim como, diminuir e evitar a prática fraudulenta contra as seguradoras.
De acordo com a redação do projeto, não há interferência nos estabelecimentos hoje existentes, desde que se encontrem regularizados perante os órgãos públicos competentes. No entanto, proíbe que os proprietários de desmanches e de comércio de autopeças vendam seus estabelecimentos a terceiros ou ampliem sua área de atuação.
ConurbaçãoDurante defesa da propositura, Crivelari afirmou que, para que haja eficácia na aplicabilidade da Lei, é necessário haver envolvimento de representantes do poder executivo e legislativo de cidades vizinhas à Americana .  ???Como estamos em uma área conurbada, conversei com políticos de municípios que estão no nosso entorno para que elaborem e coloquem em prática projetos com o mesmo objetivo, evitando, assim que, uma vez proibidos em Americana, não haja proliferação da abertura de desmanches nessas cidades???, explicou.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE