Nova Odessa registra surto de Covid-19 em lar de idosos

A Prefeitura de Nova Odessa confirmou um surto de coronavírus num lar de idosos que funciona no bairro Residencial Lopes Iglesia. Sete novos casos foram registrados no local nesta terça-feira (21). Ao todo, são 11 infectados na casa de repouso, uma morte confirmada por Covid-19 e outros dois óbitos em investigação. O balanço divulgado pela Secretaria de Saúde aponta que, além das contaminações no lar, outras oito pessoas testaram positivo na cidade, elevando para 276 o número de pessoas contaminadas.

Segundo a Vigilância Epidemiológica, do total de positivos, oito são residentes e três, funcionários. “O lar mantém 26 residentes e 17 funcionários. Todos foram testados e os responsáveis orientados a redobrar as medidas de segurança. Temos uma paciente internada e os outros dez infectados estão isolados no local, sob monitoramento intensivo de enfermeiros da casa, com suporte da Secretaria de Saúde”, afirmou a coordenadora do órgão, Paula Mestriner.

 

A coordenadora explica que a casa de repouso segue em funcionamento, mas com maiores restrições. “Com a notificação de surto, o lar fica impedido de receber novos moradores e os que lá residem não podem sair, a não ser para atendimento médico. Além disso, continuam valendo, de forma ainda mais rigorosa, as restrições impostas desde o início da pandemia, que incluem proibição de visitas, medidas rigorosas de higiene de residentes e funcionários – que devem trocar de roupas e calçados ao chegar e sair do trabalho -, além da limpeza frequente do ambiente”, explicou Paula Mestriner.

 

Os casos confirmados nesta terça-feira são um homem de 66 anos, três mulheres residentes – com 80 (duas) e 93 anos – e três funcionárias, com 25, 48 e 49 anos. Outros quatro tiveram a contaminação notificada na semana passada, incluindo o óbito de uma mulher de 97 anos, cujo resultado positivo do teste para o novo coronavírus chegou ao município no sábado (18). Entre os que contraíram a doença, há apenas uma ainda internada: uma mulher de 67 anos que está na UTI (unidade de terapia intensiva) do Hospital Estadual ‘Dr. Leandro Franceschini’, em Sumaré.


Além da morte confirmada por Covid-19, a Vigilância Epidemiológica aguarda resultados de exames que vão apontar se outras duas moradoras da casa de repouso – ambas com 80 anos de idade – também morreram em decorrência da doença. Os óbitos ocorreram na quinta-feira passada (16) e na última segunda (20), na Unidade Respiratória da cidade.

MAIS OITO CASOS. Também testaram positivo um homem de 20 anos que mora no Jardim São Francisco; uma mulher de 23 anos, do Parque Fabricio; dois homens, de 25 e 45 anos, moradores do Jardim Alvorada; um homem de 39 anos, do Jardim Santa Rita I; uma mulher de 31 anos, do Jardim Alvorada; um homem de 40 anos, residente em Americana; e um homem de 30 anos, morador do Residencial Terra Nova.

O boletim atualizado ainda traz 950 casos notificados, 92 pacientes positivos em isolamento domiciliar, 11 internados em UTI, 239 casos negativos, 83 em investigação – incluindo sete óbitos, 64 em isolamento e 12 internados – e 44 pacientes com gripe em acompanhamento. Até as 16h30 desta terça, nenhum paciente estava internado na Unidade Respiratória. A unidade tem 50 leitos, sendo cinco equipados com respiradores, para estabilização de pacientes graves, e 45 de enfermaria.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE