Nova Odessa receberá carreta para exames de mamografia

O programa “Mulheres de Peito”, que realiza exames de mamografia gratuitamente, retorna à Nova Odessa a partir desta segunda-feira (25), graças a uma parceria entre o governo estadual e a Secretaria de Saúde. A carreta-móvel, que esteve no município em 2016, ficará instalada em frente à Prefeitura (Avenida João Pessoa, 777) até sexta-feira (29). Mulheres acima de 35 anos podem realizar o exame, entre 9h e 17h. Ele é considerado essencial para prevenção ao câncer de mama e não há necessidade de agendamento. Serão 50 exames por dia.

Com 15 metros de comprimento, 4,10 metros de altura e, quando abertas, 4,90 metros de largura, a carreta é equipada com mamógrafo, aparelho ultrassom, conversor de imagens analógicas em digitais, impressoras, antenas de satélite, computadores, mobiliários e sanitários. A unidade móvel conta ainda com uma equipe multidisciplinar composta por técnicos em radiologia, funcionários administrativos e um médico ultrassonografista.

O secretário de Saúde, Vanderlei Cocato, explica que, após a realização dos exames, as mulheres serão orientadas a retirar o resultado na própria carreta. Com o resultado em mãos, a paciente deve levar o exame até uma UBS (Unidade Básica de Saúde) para avaliação de diagnóstico.

“Ficamos muito felizes em receber, ainda este ano, a carreta em Nova Odessa. Convido as mulheres que ainda não realizaram o exame para que participem deste programa. Sabemos que no caso do câncer, quanto antes detectado o tumor, maiores as chances de cura e esta é uma iniciativa não apenas de combate à doença, mas de estímulo aos cuidados com a saúde”, afirmou Cocato.

QUEM PODE FAZER ??? Mulheres acima de 35 anos podem realizar os exames de mamografia sem necessidade de encaminhamento médico. Para isso, basta se dirigir à carreta-móvel com RG e cartão do SUS (Sistema ??nico de Saúde) em mãos. “Nosso objetivo, com mais essa parceria, é detectar precocemente o câncer de mama e facilitar o acesso ao diagnóstico e tratamento da doença”, ressaltou Cocato.

O secretário ressalta também que as mulheres devem realizar periodicamente os exames preventivos na rede pública de saúde. “Teremos esta ação em parceria com o governo estadual, mas vale lembrar que em nossa rede pública de saúde contamos com médicos ginecologistas ótimos, que estão prontos para atender as pacientes e, se necessário, fazer os encaminhamentos para mamografias ou outros exames que julguem necessários”, explicou.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE