NO: Prefeitura fecha ecopontos e lacra áreas usadas para descarte irregular

O prefeito de Nova Odessa, Benjamim Vieira de Souza, o Bill, anunciou hoje o fechamento das áreas utilizadas como Ecopontos no município. Já no dia 2 de janeiro, os fiscais do Setor de Obras e Serviços Urbanos interditaram uma área de cerca de 5.000 metros quadrados no Jardim Capuava que vinha sendo usada como um depósito clandestino de lixo.            ???A população não aprovou esse modelo. Essas áreas, sem a devida fiscalização, se tornaram verdadeiros lixões. Vamos interditar e limpar esses terrenos. Depois disso procuraremos outras áreas e outro modelo de gestão para implantação de verdadeiros ecopontos, onde o material depositado possa realmente ser usado para reaproveitamento e reciclagem. Para isso, é preciso estabelecer um modelo de vigilância e de coleta do material???, destacou Bill.A área interditada pela prefeitura semana passada era particular e ficava no cruzamento da Avenida São Gonçalo com a Rodovia Rodolfo Kivitz, no final da Rua dos Eucaliptos, no Jardim Capuava.  Fiscais do Setor de Obras e Serviços Urbanos colocaram correntes e cadeado na entrada do terreno.            Quem passava pela área podia observar toda espécie de objetos como pneus e móveis velhos, carcaças de eletrodomésticos, peças de veículos, roupas, restos de podas e de construção, materiais recicláveis e lixo doméstico.            De acordo com informações do Setor de Fiscalizações da Prefeitura, o local é propriedade particular e não deve ser usado para descarte de qualquer natureza sem as devidas licenças. Ainda conforme o Setor, o proprietário já foi notificado tanto a fazer a retirada do material, quanto a providenciar calçadas e cercamento do terreno. O prazo dado é de 30 dias para limpeza e 60 para as obras de calçamento e fechamento.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE