NO: Pref. notifica lojas sobre prevenção ao coronavírus

A Prefeitura de Nova Odessa realizou neste sábado (16) uma grande ação de conscientização sobre a obrigatoriedade do uso de máscaras e fiscalização do cumprimento do decreto que proíbe o funcionamento de estabelecimentos comerciais classificados como não essenciais. O trabalho contou com a participação de fiscais da Vigilância Sanitária, guardas municipais, profissionais do Departamento de Trânsito e servidores voluntários. Pelo menos 20 lojas foram notificadas por funcionamento irregular e 600 veículos abordados durante blitz educativa realizada em uma das principais vias da cidade.

As ações foram realizadas em três frentes. Uma delas foi coordenada pela Vigilância Sanitária e ocorreu nos principais corredores comerciais do município. Fiscais percorreram as principais ruas e avenidas do Centro e da região do Jardim Alvorada, onde notificaram lojas não essenciais em funcionamento, fiscalizaram o cumporimento de medidas de distanciamento e higiene em estabelecimentos essenciais e orientaram pedestres sobre a obrigatoriedade do uso de máscaras, prevista em decreto estadual.

“Até as 11h, 20 estabelecimentos que não deveriam estar abertos, como lojas de roupas, papelarias e salões de beleza, haviam sido notificados e orientados por nossas equipes a fechar as portas”, afirmou a diretora de Vigilância em Saúde, Priscilla Rangel Amaral Belmonte. Segundo o órgão, aproximadamente 200 estabelecimentos foram fiscalizados.

Ao mesmo tempo, servidores voluntários distribuíram máscaras de proteção e folhetos com orientações sobre o novo coronavírus na porta de supermercados. De acordo com a Prefeitura, aproximadamente três mil equipamentos foram entregues a consumidores em cinco pontos de distribuição espalhados pela cidade.

Na Rodovia Rodolfo Kivitz, principal via de acesso entre o Centro e a região do jardim Alvorada, guardas civis municipais e funcionários do Departamento de Trânsito realizaram uma blitz educativa sobre o uso de máscaras. “De acordo com o decreto, é obrigatório o uso dentro de veículos com mais de um ocupante. Durante, a blitz, conversamos com motoristas e distribuímos acessórios para quem estava desprotegido”, explicou o secretário de Saúde, Vanderlei Cocato, que comandou as ações ao lado do chefe de Gabinete, André Faganello. Pelo menos 600 veículos foram abordados na ação. De acordo com Faganello, ações semelhantes serão realizadas no município nos próximos sábados.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE