NM contra discurso de ódio nas redes

As eleições de 2016 nos Estados Unidos e as de 2018 no Brasil foram marcadas por fakenews e pela proliferação dos discursos de ódio, em especial contra minorias e imigrantes- regionais ou estrangeiros. O processo de 2020 na região nem começou e o discurso de ódio já está sendo ‘postado’ nas redes sociais.

Algumas candidaturas, ou a maioria, afirma ser contra esse tipo de postagem, mas ‘se aproveita’ quando o alvo é um ou outro adversário. O facebook e o instagram têm sido alvo de protestos porque não têm contido perfis que pregam discurso de ódio.

O NM vai banir deliberadamente todos os usuários identificados como ‘fakes’ e perfis reais emissores de discurso de ódio.

Para isto, vai contar com os leitores que gostam do debate, defendem suas bandeiras, mas não toleram ataques infundados contra quem quer que seja tendo como base o ódio ou a mentira.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE