Natal e Ano Novo: alerta sobre produtos sazonais

Para garantir a melhor compra dos produtos sazonais de Natal e Ano Novo, o consumidor deve estar bastante atento. O alerta é do IPEM-SP (Instituto de Pesos e Medidas). Segundo o órgão é preciso verificar sempre a indicação de peso/volume de produtos como panetones, vinhos, espumantes, chester, peru, tender, presunto, pernil, pescados e carnes em geral, cereais e pães, frutas in natura ou secas e lentilha.

Os itens considerados pré-medidos (pesados sem a presença do consumidor) devem obrigatoriamente conter informação de peso/volume. O consumidor também pode utilizar as balanças disponibilizadas pelos supermercados para realizar a conferência. Se o valor for menor ou igual que o conteúdo nominal descrito na embalagem, o consumidor está levando menor quantidade de produto que aquela pela qual está pagando, pois o peso da embalagem deve ser descontado.
No caso dos brinquedos, por exemplo, dois aspectos são de fundamental importância para garantir que a diversão aconteça com segurança: a presença de classificação etária indicativa e o selo do Inmetro. Se estas informações obrigatórias não estiverem na embalagem, o melhor a fazer é não adquirir o produto.
Outros produtos bem consumidos nesta época do ano, os pisca-piscas e as mangueiras para iluminação de áreas externas, precisam apresentar plug no padrão brasileiro (sextavado). Além disso, devem trazer indicação de voltagem e amperagem, para que possam ser instalados de maneira adequada, garantindo a segurança das famílias.
O IPEM-SP intensifica a fiscalização nesse período com o objetivo de garantir que os consumidores adquiram produtos de acordo com as normas nacionais. O consumidor que tiver dúvidas, desconfiar ou encontrar irregularidades pode recorrer ao serviço de ouvidoria pelo telefone 0800-013-0522, de segunda a sexta, das 8h às 17h, ou enviar um e-mail para [email protected] 
 
 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE