Natal com expectativas de negócios

Após dois anos consecutivos de queda, as vendas para o Natal de 2017 devem chegar a R$ 51,2 bilhões, uma alta de aproximadamente 3% em relação a 2016. Os dados da pesquisa da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) são endossados pela Associação Brasileira de Empresas de Utilidades e Presentes (Abup), entidade que representa 327 fabricantes dos segmentos de decoração, presentes, mobiliário, mesa posta e utilidades domésticas. Somente o setor representado pela Abup deve abocanhar 20% aproximadamente desses R$ 51,2 bilhões, puxado, sobretudo, pelas comercializações dos segmentos de utilidades, organização e mesa posta, com destaque para as porcelanas e móveis.
???Como muitos outros setores da indústria nacional, esses segmentos sofreram no auge da crise, mas, agora, devem voltar com tudo devido à retomada da economia e à grande tendência de organização, que inclui produtos como prateleiras ganha-espaço, gavetex e organizadores de parede???, explica o presidente da Abup, Jamil Rima. Para o acumulado do ano, a associação espera um crescimento nas vendas de 7% em relação ao ano anterior, justificado pela gradativa recuperação da economia, redução da Selic e pela liberação de R$ 8,7 bilhões para destravar financiamento imobiliário, anunciada em novembro pela Caixa. ???Como nosso segmento inclui muitos produtores de utensílios e decoração para o lar, a retomada das vendas e ocupação de imóveis os impacta positivamente???, assinala Jamil..
Jamil Rima está à disposição para entrevistas e pode comentar expectativas de negócios para o setor de utilidades, decoração e presentes para o Natal de 2017, principais tendências, novidades, entre outros pontos.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE