Morre professor Cleiton de Oliveira, de Santa Bárbara, aos 76 anos

O prefeito de Santa Bárbara d’Oeste, Rafael Piovezan, decretou luto oficial de três dias pelo falecimento do professor e pesquisador Cleiton de Oliveira, ocorrido nesta quarta-feira (12), aos 76 anos.

Cleiton de Oliveira era formado em Pedagogia pela Unimep (Universidade Metodista de Piracicaba), mestre em Educação pela mesma instituição e doutor em Educação pela Unicamp (Universidade Estadual de Campinas). Foi docente no ensino básico, atuando em escolas de Santa Bárbara d’Oeste como “Gabriel de Oliveira”, “Ulisses de Oliveira Valente” e SESI. Lecionou também no ensino superior, na Unimep, Unicamp, Unisal (Centro Universitário Salesiano de São Paulo) e Uniso (Universidade de Sorocaba). Exerceu cargos administrativos na Unimep e foi o dirigente municipal de Ensino em Santa Bárbara d’Oeste entre os anos de 1983 e 1988.

Foi também conselheiro no Conselho Estadual de Educação, membro fundador da Undime, presidente do conselho da entidade, sócio e diretor para o Estado de São Paulo da ANPAE (Associação Nacional de Política e Administração de Educação), sócio da ANPED (Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação) e sócio da SBPC (Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência). Cleiton foi um dos responsáveis pela implantação do Museu da Imigração, em 1988, e empresta seu nome à creche do bairro Dona Regina, uma das unidades da rede municipal de Ensino de Santa Bárbara d’Oeste.

“O professor Cleiton se despede deixando um legado de amor e carinho pela nossa cidade. Foi um grande educador, pesquisador, que sempre nos orgulhou pelos trabalhos e projetos desenvolvidos. Lutou muito pela educação pública de qualidade e contribuiu para todos os avanços que conquistamos. Fez história e cumpriu a sua missão nesse plano. Que Deus o receba na luz. Sentimentos a toda família”, comentou o prefeito Rafael Piovezan.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE