Morre Geisa, ex-pivô do basquete Americana

A pivô Geisa Oliveira, que jogou por Americana no começo dos anos 2000, morreu esta semana aos 42 anos. Amigos lamentaram a morte da atleta e o presidente da LBF (Liga de Basquete Feminino), Ricardo Molina, disse “Tivemos a oportunidade de trabalhar juntos. Alem de grande atleta era uma pessoa muito gente boa, do bem”.

Geisa começou a ir para as seleções de base com 14 anos. A primeira foi na seleção cadete (94), depois houve o sulamericano juvenil em 95. Em 96, foram sulamericano juvenil e a Copa America no Mexico, fomos campeãs com a categoria. Em 97, conquistamos o quarto lugar no campeonato Mundial Juvenil em Natal.

Ela foi jogar na Espanha em 2001, porque a Unimed/Americana não tinha se classificado para a Liga Nacional do ano. Surgiu esta oportunidade e não seria por muito tempo; ficaria lá por 3 meses. É com certeza um dos campeonatos mais fortes e sérios. Ela voltou para Americana em 2003, levando a equipe para várias finais em sequência.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE