Morre escritor Rubem Alves

Morreu no fim da manhã deste sábado (19/07), em Campinas, o escritor Rubem Alves, de 80 anos. Ele estava internado desde o dia 10 de julho na UTI do Centro Médico de Campinas com quadro de insuficiência respiratória devido a uma pneumonia e faleceu em decorrência de falência múltipla de órgãos. O corpo será velado a partir das 19h na Câmara Municipal de Campinas.
Nascido em 15.09.1933 em Dores da Boa Esperança/MG, Alves era um dos intelectuais mais respeitados do país, tendo atuado como escritor, pedagogo, filósofo, ensaísta, teólogo e acadêmico. Na literatura, citava como referências Nietzsche, T. S. Eliot, Kierkegaard, Lutero, Camus, Agostinho, Angelus Silésius, Guimarães Rosa, Saramago, Fernando Pessoa, entre outros.
Foi especialmente no gênero da crônica que Rubem Alves se destacou, tendo escrito livros que se tornaram best-sellers. Em seus textos, impregnados de filosofia e poesia, Alves procurava passar ensinamentos e reflexões sobre a vida em geral. Seus textos, embora firmes e incisivos, não são pesados e suscitam bons pensamentos e ideias.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE