Moradores de Sumaré multados por jogar lixo em NO

A Prefeitura de Nova Odessa autuou dois moradores de Sumaré nesta quinta-feira (18) por descarte irregular de lixo e entulho no município. Em um dos casos, o infrator foi identificado pela Secretaria de Meio Ambiente por meio de contas antigas com seu nome e endereço descartadas com outros materiais. Cada um deles será multado em R$ 500.
O morador do Jardim Picerno, bairro localizado no limite entre os dois municípios, foi identificado na manhã desta quinta. Durante inspeção na Avenida São Gonçalo, na região rural, fiscais da Secretaria de Meio Ambiente encontraram restos de madeira, plástico e papel amontoados na via. Em meio ao lixo, havia contas de água, luz e telefone, faturas de cartão de crédito e extratos de FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço); todos com nome e endereço do infrator. Segundo os fiscais, o lixo foi depositado na noite anterior.
O outro caso envolveu um cidadão sumareense que descartou entulho na mesma estrada, na noite de terça-feira (16). Segundo os fiscais, ele usou uma picape Fiat Strada para o transporte e foi identificado por meio da placa do veículo. Os infratores foram autuados por descartarem resíduos irregularmente, com base na a lei municipal 2.883, de 2014.
Para coibir a prática, a secretaria intensificou a fiscalização na avenida. Um funcionário foi destacado para monitorar o local e informar os moradores sobre os pontos corretos de descarte no município. Já as pessoas de outras cidades estão sendo orientadas a procurar locais adequados onde moram. O que tem dificultado a fiscalização é a ação noturna dos poluidores. Nesta sexta-feira (19), novos casos foram constatados e mais quatro infratores foram identificados – três de Sumaré e um de Nova Odessa. Eles também serão autuados.
???O custo da limpeza e da destinação dos materiais descartados fica só para o município, sendo que a maioria das pessoas que jogam lixo lá [Avenida São Gonçalo] é da cidade vizinha. Vamos conversar com a Prefeitura de Sumaré, para ver se fazemos uma parceria para intensificar a fiscalização no local por meio da Guarda Civil Municipal???, afirmou o secretário de Meio Ambiente, Edson Barros de Souza, o ???Nenê Gás???.
Na semana passada, a Diretoria de Serviços Urbanos realizou uma verdadeira maratona de limpeza na Avenida São Gonçalo. Entre lixo, entulho, móveis velhos e madeira, foram removidas 670 toneladas de material descartado irregularmente no local. A grande frequência de despejos, realizados principalmente à noite aos finais de semana, tem sido um desafio para os órgãos de limpeza e fiscalização da Administração Municipal.
Em Nova Odessa, materiais recicláveis devem ser levados pelos moradores aos LEVs (locais de entrega voluntária), instalados no Parque Ecológico Izidoro Bordon, no Jardim Europa, e no Bosque Manoel Jorge, no Jardim Santa Rosa. Já o Ecoponto, que fica no Jardim Monte das Oliveiras, está aberto para o depósito de restos de construção.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE