Molina perde lideranças para 2022

Depois de jurar de pés juntos que seria candidato a prefeito e recuar para ser candidato a vice na chapa de Rafael Macris/PSDB, o empresário Ricardo Molina/Republicanos parece ter perdido força e lideranças que estavam com ele na montagem do partido antes do pleito de 2020. Os vereadores do partido- que conseguiu eleger dois- hoje estão mais próximos do governo Chico Sardelli/PV e tendem a tocar o mandato independentemente do projeto (se existir) de Molina para 2022.

 

Além dos vereadores, candidatos bem votados do partido dizem que não foram procurados pelo líder partidário desde a eleição e pensam em seguir sozinhos a vida política. Figura que era aposta do projeto Molina 2020, o fisioterapeuta Rafael Barros foi para o governo sem ter tido qualquer conversa com Molina ou representante dele.

Rafael de Barros vai comandar Desenvolvimento Econômico

 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE