Merenda Escolar terá produtos da agricultura familiar

A partir deste ano letivo a merenda escolar de Sumaré passa a contar também com os produtos processados da agricultura familiar. Fora as frutas e legumes, os aproximadamente 50 mil alunos das escolas municipais e estaduais da cidade, e de algumas ONG´s – APAE, Pestalozzi e IBQ ??? terão outras delícias adicionadas ao cardápio: achocolatado em caixinha, barra de cereal e suco de uva. A Prefeitura de Sumaré, por meio da Secretaria Municipal de Educação, cumpre a uma determinação do FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação), de que pelo menos 30% dos alimentos da merenda devem ser provenientes da agricultura familiar, ou seja, dos produtores rurais da cidade e região. Ao todo, foram gastos R$ 600 mil nos produtos processados. Já na linha in natura o investimento é de R$ 1 milhão.
???Uma alimentação balanceada é fundamental não só para a saúde das nossas crianças e adolescentes, que passam grande parte do dia nas escolas, mas também para o aprendizado deles. Além de contribuir para a nutrição das crianças, valorizamos a agricultura familiar e a produção rural, gerando emprego e renda aos trabalhadores do campo???, disse o prefeito Luiz Dalben.
Entre os alimentos servidos na merenda estão verduras, legumes, frutas para as sobremesas dos alunos e até sucos naturais. ????? uma preocupação do prefeito Luiz Dalben a alimentação adequada dos nossos alunos e nos empenhamos para fornecer uma merenda cada vez mais balanceada e nutritiva. Contamos com uma Comissão de Alimentação Escolar, que verifica a qualidade do que é ofertado aos estudantes, inclusive, com visita ???in loco??? aos fornecedores. Os alimentos da agricultura familiar enriquecem o que já oferecemos aos alunos???, explicou a secretária municipal de Educação, Mirela Cia Medeiros. 
O fornecimento dos alimentos in natura é feito pela Cooperativa Agropecuária Dourados e a Coopasul (Cooperativa de Produção e Comercialização Assentamentos de Sumaré); já os processados serão feitos pelas Cooperativas Nossa Terra e Garibaldi. A Coopasul é formada pelos três assentamentos da cidade, reúnem mais de 200 produtores rurais. O carro-chefe da produção é a goiaba, banana e hortifruti. A produção tem um escoamento que chega a 30 toneladas por semana.
 
TREINAMENTO
 
Para oferecer serviços de alimentação com qualidade é necessário ter cuidados, seguir procedimentos! Com esse foco, as merendeiras da Secretaria Municipal de Educação de Sumaré receberam na tarde desta sexta (31), um treinamento teórico e prático. O tema ???Treinamento, Higienização e Manipulação??? foi ministrado por representante da Nutriplus ??? empresa que fornece a merenda escolar no Município. Os trabalhos aconteceram nas dependências da EM José de Anchieta e foram acompanhados pela presidente do Conselho de Alimentação Escolar de Sumaré, Maria Aparecida Gonçalves. Na ocasião, as profissionais da área foram orientadas sobre como manter a qualidade da merenda servida aos alunos.
Outro treinamento especial de como fazer o preparo dos alimentos, de acordo com as normas das boas práticas de manipulação, foi ministrado anteriormente às novas contratadas para função. ???A capacitação das profissionais responsáveis pela merenda é primordial dentro da nossa proposta de oferecer uma alimentação de qualidade e balanceada para o desenvolvimento dos alunos, influenciando diretamente no aprendizado e na saúde???, completou o Chefe do Executivo.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE