Meio Ambiente desenvolve campanha contra pesca predatória

A Secretaria de Meio Ambiente de Americana, por meio da Unidade de Educação Ambiental e Planejamento, desenvolveu a campanha educativa “Combate à Pesca Predatória”, que visa combater a prática dentro do município. Um material informativo foi confeccionado e distribuído junto aos professores da rede municipal de ensino, que trabalha o conteúdo com os alunos.

A pesca predatória é definida como uma ameaça à manutenção da população dos peixes devido à retirada excessiva dos corpos hídricos. Resolução do Ibama proíbe o uso de equipamento e métodos de pesca, como redes, tarrafas, armadilhas e arpões, em qualquer período do ano.

A resolução é mais restritiva durante a chamada piracema, período de reprodução dos peixes, que vai de 1º de novembro a 28 de fevereiro, quando a pesca é terminantemente proibida. Quem infringir a resolução é multado em R$ 700,00, mais R$ 20,00 por quilo de peixe.

Americana está inserida na Bacia Hidrográfica do Paraná e está localizada na Repressão Periférica da borda leste. Pertence à sub-bacia PCJ (Piracicaba, Capivari e Jundiaí), e os principais corpos hídricos são os rios Piracicaba, Jaguari, Atibaia, Ribeirão Quilombo e as lagoas do Aeroporto, do Instituto de Zootecnia e da Fazenda Angélica.

A pesca predatória pode ser denunciada na Polícia Ambiental (3462 1182), Guarda Municipal (153), Secretaria de Meio Ambiente (3471 7770), SAC (3475 9024) e pelo e-mail [email protected] .

“O grande objetivo dessa campanha é conscientizar a população sobre a importância do período da piracema para a procriação dos peixes. Se esse ciclo é interrompido é muito prejudicial para a natureza como um todo. Só pedimos respeito, que as pessoas entendam a importância desse ciclo”, afirmou o secretário de Meio Ambiente, Roberto Sablewsky Galvão.

 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE