Médico e dentista pressionam vereadores

Um grupo de médicos e de cirurgiões dentistas, servidores da rede municipal, visitou a sede do Legislativo nesta quinta-feira (29), pedindo apoio dos parlamentares por mais agilidade na votação do Projeto de Lei Complementar 23/2015, o qual reduz a carga horária desses profissionais para 100 horas mensais. O encontro foi promovido pelo presidente do Legislativo, Edison Carlos Bortolucci Júnior, o Juca (PSDB), e contou com a presença de vereadores de diferentes comissões permanentes, os quais se comprometeram a emitir pareceres o mais rápido possível, para que o projeto possa ser incluído na Ordem do Dia da próxima sessão.
Integrante da Comissão Permanente de Justiça e Redação, o vereador Gustavo Bagnoli (PSDB) explicou que antes da emissão de parecer, a Comissão de Justiça e Redação solicitou orientação da Procuradoria da Câmara, o qual apenas foi entregue ontem, favorável ao projeto. A propositura também conta com emendas aditivas do vereador José Antonio Ferreira, o Dr. José (PSDB), reduzindo a jornada de outros profissionais da Saúde, como fisioterapeutas, fonoaudiólogos e psicólogos para 30 horas semanais. Além de Bagnoli, a reunião contou com a presença dos vereadores Alex Braga, o Alex Backer (PV); Antonio Carlos Ribeiro, o Carlão Motorista (PDT); Emerson Luis Grippe, o Bebeto (SD); Fabiano Ruiz Martinez, o Pinguim (PV); José Luis Fornasari, o Joi (SD); e Wilson de Araújo Rocha, o Wilson da Engenharia (PSDB).
No encontro, os profissionais da saúde reiteraram que a readequação da carga horária não deve prejudicar os pacientes nem gerar mais custos à Administração Municipal. Na exposição de motivos do projeto, o prefeito Denis Andia afirma que a adequação da carga horária de médicos e dentistas tem por objetivo tornar esses cargos compatíveis com os valores praticados pelo mercado e, consequentemente, mais atrativos a esses profissionais.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE