Marina vem com tudo, e em fevereiro

Marina Silva pretende fazer o ato de fundação de seu novo partido em fevereiro.

Ela tem dito que não há a menor possibilidade de filiar-se a uma sigla já existente e que não tem intenção de candidatar-se a outro cargo diferente de presidência da República. Deputados e senadores vem sendo sondados, com destaque para Randolfe Rodrigues, Antônio Reguffe, Cristovam Buarque, Ricardo Tripoli e Alessandro Molon. Na Câmara, dez parlamentares sinalizaram que embarcariam no novo projeto assim que ele for oficializado. HELOÍSA HELENA E SUPLICY- Marina espera contar com a palavra de Heloísa Helena como um quadro nacional. No Senado, o objeto de desejo é Eduardo Suplicy, cada vez mais escanteado pelo PT.

A legenda idealizada não aceitará doação de campanha de pessoa jurídica e abrirá espaço para que anônimos, sem qualquer ligação partidária, possam se candidatar e desenvolver atuações parlamentares independentes, sem compromisso algum, inclusive, com a própria sigla. 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE