Edit

Mãe e padastro agridem crianças, polícia foi chamada

imagem ilustrativa

Um caso de violência doméstica chocou a comunidade em Americana na noite desta sexta-feira. A mãe e o padastro de duas crianças foram acusados de agressão física por volta das 21h na casa onde todos moram na rua Jose Denadai, Balneário Riviera.

Caso Maria Clara. Principal suspeito é padastro da garotinha

A equipe da polícia foi chamada para fazer atendimento do caso de violência doméstica e fez contato com as vítimas. Elas disseram ter sofrido agressão do padrasto e da mãe.

Após denúncia, a Polícia Militar localizou uma menina de 10 anos que estava chorando e afirmou ter sido agredida pelo padrasto. O agressor atingiu a vítima com um pedaço de madeira. Ela teve ferimentos no braço esquerdo e supercílio direito e contou ainda que as agressões são frequentes. A família tem cinco irmãos, sendo que dois deles, de 6 e 12 anos, também sofreram agressão física.

Diante dos fatos E.C.S. (padastro) e A.P.S.M. (mãe) foram conduzidos até o CPJ, onde o padrasto permaneceu preso e a mãe foi indiciada e liberada.

As crianças foram encaminhadas ao Hospital Municipal onde passaram por atendimento médico, sendo constatadas lesões aparentes. Feito contato com um representante do Conselho Tutelar, ficou responsável em dar um destino seguro as crianças.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE