Lojas da região apostam em ‘lives shop’ pra vender mais na pandemia

Tendo que trabalhar com as portas fechadas por conta da fase emergencial / fase vermelha aplicadas pelo governo estadual por conta da pandemia, lojas da região (Americana, Santa Bárbara, Nova Odessa e Sumaré) estão apostando em ‘lives shop’ para vender mais.

A nova ferramenta de venda, que fez com que muitos comerciantes tivessem que se adaptar à tecnologia, vem dando resultados bastante positivos. A ação é feita através do Instagram, onde o lojista mostra os produtos com a participação ao vivo dos clientes. Comprando na live, o cliente apenas passa para buscar o produto no dia combinado, no modo “take away” – retirada.

Para “prender” o cliente durante a apresentação dos produtos, além de promoções, o lojista pode apostar em sorteios de produtos de parceiros, aumentando ainda mais o engajamento.

Os pagamentos variam bastante. Alguns aceitam pix, transferência, cartão apenas no momento da live, outros já permitem que o cliente faça o pagamento no momento da retirada do produto.

Recentemente, o NM entrevistou a empresária Renata Miranda, uma das pioneiras de live shop na região. Renata falou das dificuldades enfrentadas pelo seu comércio durante a pandemia e deu várias dicas de como vender mais. Assista:

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE