Leitinho aposta em programa de recuperação de mananciais

O prefeito de Nova Odessa, o Leitinho (PSD), e o secretário municipal de Meio Ambiente, Parques e Jardins, o economista e consultor Walter Bonaldo Filho, receberam na manhã de terça-feira (05/01), no Gabinete, a visita do engenheiro agrônomo, consultor em Preservação de Recursos Hídricos e ex-pesquisador do IAC (Instituto Agronômico de Campinas), doutor Rinaldo de Oliveira Calheiros, para debater a retomada do Plano de Recursos Hídricos do Município de Nova Odessa, que Calheiros desenvolveu ao longo dos últimos quatro anos.
Segundo o prefeito, a atual gestão planeja buscar agora recursos externos, inclusive dos órgãos da Bacia PCJ, para adotar as propostas do Plano, adquirido pela Prefeitura, visando garantir que a população da cidade tenha uma água de qualidade, que facilite o tratamento e garanta a distribuição ao longo das próximas décadas. A equipe técnica da secretaria também acompanhou a reunião.
Ao longo de quatro anos, Calheiros fez um levantamento de cada uma das nascentes de Nova Odessa e sua situação atual, incluindo localização geográfica georreferenciada. O objetivo final é viabilizar obras e medidas que garantam a manutenção ou recuperação de cada fonte de água bruta da cidade.
“Esse projeto é o começo da recuperação hídrica da cidade. É grande parte da função do Meio Ambiente, a de proteção dos nossos ricos mananciais. Vamos começar a ter capacidade de recuperação dos nossos mananciais e evitar situações de estresse hídrico, evitando assim qualquer risco de falta d’água no futuro. Nossa preocupação é com as pessoas, e a qualidade de vida das pessoas passa pela questão da água”, afirmou o prefeito logo após a reunião.
“É um compromisso do prefeito Leitinho, de olhar o meio ambiente de uma forma mais geral. O estudo do Rinaldo vem contribuir de forma técnica com esse programa de governo, com um atalho de trabalho. A secretaria também pretende reativar o Comdema (Conselho Municipal de Meio Ambiente) e o Fundo Municipal de Meio Ambiente, para podermos receber recursos e fazer as obras necessárias de desassoreamento, recuperação de mananciais e drenagem urbana, deixando o município sustentável e novamente apto a receber novos investimentos privados”, acrescentou o secretário Bonaldo.
“O principal desse encontro é que saio daqui com a certeza de que o prefeito Leitinho pretende executar o programa descrito no Plano Municipal de Recursos Hídricos que elaborei, programa este que pode transformar Nova Odessa na primeira cidade brasileira efetivamente autossuficiente em água tratada, garantindo o desenvolvimento sustentável do município para as próximas gerações”, comentou o pesquisador.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE