Edit

Terapia com luzes alivia dor da fibromialgia

Dores pelo corpo inteiro, além de formigamentos, queimações, entre outros sintomas. A fibromialgia é um distúrbio que acomete 5% da população no Brasil, de acordo com indicativos da Sociedade Brasileira de Reumatologia (SBR).

Além da dor musculoesquelética generalizada em ambos os lados do corpo, acima e abaixo da cintura, o paciente sente grande sensibilidade ao toque e à compressão da musculatura.

Além da indicação de medicamentos, o tratamento para coibir a doença também inclui mudanças no estilo de vida, além de terapias alternativas como a LEDterapia, técnica de fotobiomodulação onde um dispositivo emite ondas de luz de baixa frequência (vermelha e infravermelha),que penetra diretamente no tecido muscular, e promove alívio das dores, estimula a microcirculação da área exposta e, ainda, tem ação analgésica e anti-inflamatória.

“Quando ocorre a interação da luz LED com os tecidos do corpo há um aumento de ATP (energia) mitocondrial e óxido nítrico. A ATP auxilia na contração muscular e atua no reparo tecidual das lesões em nervos periféricos, além de aliviar a dor e atrasar o aparecimento da fadiga muscular, podendo ainda ter uma ação protetora sobre o desenvolvimento de dores crônicas e aguda”, comenta o angiologista e cirurgião vascular Dr. Álvaro Pereira.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE