Larguesa cobra prestação de contas da Santa Casa

O prefeito de Santa Bárbara d???Oeste, Luis Vanderlei Larguesa (PT), reuniu a imprensa para cobrar da direção da Santa Casa de Misericórdia, mantenedora do Hospital Santa Bárbara, a prestação integral das contas referentes ao convênio com a prefeitura. O município repassa mensalmente à entidade R$ 2,2 milhões, mas segundo Larguesa, faltam relatórios que comprovem onde o dinheiro está sendo gasto. Ele disse que a principal dúvida está relacionada ao convênio com a cooperativa que fornece médicos para os prontos socorros.

O contrato prevê gastos de até R$ 650 mil por mês, mas devido ao atraso no pagamento a empresa pressionou o município e passou a receber por semana. Larguesa disse que a cooperativa está cobrando quatro parcelas de R$ 235 mil, totalizando R$ 940 mil. ???A prefeitura pode estar pagando antecipado pelos serviços prestados???, comentou. O prefeito informou que oficiou a direção do hospital a apresentar os relatórios que comprovem os gastos. Por enquanto os repasses continuarão sendo feitos até que a Santa Casa preste todas as informações das despesas.

OUTRO LADO Procurado pela reportagem, o presidente da Santa Casa, Laerte Zucolo, confirmou que o repasse à cooperativa passou a ser feito semanalmente e ressaltou que o hospital faz apenas o pagamento. Ele explicou que com a mudança de prefeito houve atraso no repasse de algumas parcelas. Com isso, a empresa exigiu o cumprimento do contrato, que reza que quando houver atraso os pagamentos passam a ser feitos por semana. Quanto aos relatórios de despesas, Zuculo informou que está tudo registrado e que as informações serão encaminhadas à prefeitura até amanhã.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE