Korin lança tilápia livre de antibióticos e hormônios

A Korin, empresa top of mind em alimentos orgânicos, segundo pesquisa com consumidores publicada no Valor Econômico, lança este mês um produto inovador no mercado, o filé de tilápia certificada e criada livre de antibióticos e hormônios. O produto, disponível na versão congelada em embalagens de 450 gramas, chega para ampliar a linha Sustentável de peixes da marca, que já tem o filé de truta congelado.

Para incentivar o aumento do consumo dessa proteína e fomentar a produção nacional, uma vez que grande parte dos peixes comprados por aqui chega de outros países, a Korin Agropecuária, em parceria com a Korin Agricultura e Meio Ambiente, que viabilizou e auditou todo o processo, traz ao consumidor as tilápias sustentáveis, primeira do Brasil certificada produzida sem o uso de antibióticos, sejam eles  terapêuticos ou como melhoradores de desempenho, e hormônios, como atesta a certificação WQS – (World Quality Service). ???Trata-se da única criação certificada do Brasil por não aplicar antibióticos e hormônios de reversão sexual nos animais???, explica o diretor da Korin Agricultura e Meio Ambiente Luiz Carlos Demattê Filho.
De acordo com o Associação Brasileira de Piscicultura, o país atingiu um consumo per capta de 10 quilos ao ano, em 2018. Um aumento recorde conquistado graças ao apelo dessa proteína animal em dietas saudáveis, que vem ganhando um número cada vez maior de adeptos no país. Apesar do crescimento inédito, a frequência de peixes na mesa do brasileiro ainda está abaixo dos 20 quilos per capita/ano recomendados pela Organização Mundial de Saúde (OMS).
A produção de tilápias Korin é realizada no município de Ilha Solteira, na divisa entre São Paulo e Mato Grosso do Sul e possui rastreabilidade em todo o ciclo produtivo. Toda a criação é desenvolvida em tanques submersos em um dos reservatórios de água-doce mais limpos e puros do país, às margens do belo rio Paraná, a partir de técnicas avançadas de aquicultura e preservação do meio ambiente, garantidas pela certificação da BAP (Best Aquaculture Practices), selo que garante que toda a produção atenda a rigorosos critérios de sustentabilidade, além de contribuir para reduzir a captura de peixes nativos na região.
Além de sustentável, o consumo de filé de tilápia, corte comercializado pela Korin, também faz bem à saúde. Isso porque peixes dessa espécie possuem alto valor proteico, sendo rico em selênio e vitamina B12. ???A tilápia caiu no gosto do brasileiro já há algum tempo. Devido ao sucesso da truta Korin, já vínhamos buscando uma parceria para viabilizar também a tilápia. Nossa expectativa é que esse produto seja um grande sucesso entre os nossos consumidores???, aponta o diretor comercial da Korin Agropecuária, Celso Morinaga.
O filé de tilápia é bastante versátil, não tem espinhos e harmoniza com diversos pratos. Pode ser consumido assado, grelhado e até cru, em formato de sashimi e ceviche.
Sobre a Korin:
A Korin Agropecuária Ltda., com sede na cidade de São Paulo, possui sua unidade produtiva no município de Ipeúna (SP) com capacidade de abate de 20 mil frangos por dia.  Fundada em 1994, a empresa baseia toda a produção na filosofia do pensador japonês Mokiti Okada (1882-1955), que preconizou a Agricultura Natural, método agrícola sustentável que respeita o agricultor, vivifica o solo e não utiliza adubos químicos ou agrotóxicos. Sob o slogan ???Sua vida com mais saúde???, a Korin produz e comercializa linhas orgânicas e sustentáveis de origem animal e vegetal como frangos, ovos, carne bovina, arroz, café, mel entre outros. A empresa é pioneira no Brasil na produção de frangos e ovos livres de antibióticos, além de oferecer carne bovina do Pantanal sul-mato-grossense, em parceria com o WWF (World Wide Found for Nature) e a ABPO (Associação Brasileira de Pecuária Orgânica). Toda a produção é realizada por cooperativas e pequenos e médios produtores, incentivando a agricultura familiar e integrando valores ecológicos e sociais para garantir, não apenas a qualidade dos produtos, mas também sua qualidade de origem. No ano de 2017 foi considerada a empresa top of mind em orgânicos, segundo pesquisa encomendada pela Organis e publicada pelo jornal Valor Econômico.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE