Edit

Juninho Dias busca abertura de unidade do Sebrae e Caixa Econômica no Zanaga

SEBRAE

O vereador Juninho Dias (MDB) reuniu-se na sexta-feira (27) com o secretário adjunto de Desenvolvimento Econômico, Rafael de Barros, para debater a ampliação econômica do bairro Antônio Zanaga. Dentre os assuntos discutidos, foi feita uma solicitação para a instalação de um posto do Sebrae(Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) na região.

O parlamentar destacou que contar com uma unidade do Sebrae para atendimento das pessoas que buscam técnica e suporte ao pequeno negócio garantiria mais ferramentas de apoio aos pequenos empresários e mais investimentos na região. Juninho reforçou ainda a necessidade dea região contar com um serviço bancário, motivo de queixas de moradores desde que o Banco do Brasil encerrou as atividades da agência que mantinha no local.

Tanto o parlamentar como o representante do Executivo se comprometeram a iniciar tratativas junto à Caixa Econômica Federal para a possível instalação de uma agência no bairro. Com este objetivo, Juninho protocolou ofício endereçado à instituição bancária com a solicitação.

“A região do pós-Anhanguera é uma potência, o comércio local é forte, mas é preciso incentivo no empreendedorismo. Uma unidade do Sebrae seria um ótimo caminho. Além disso, conseguir uma agência da Caixa Econômica traria mais acessibilidade aos moradores nas transações bancárias e benefícios às duas partes”, afirmou o vereador.

CAIXA ECONÔMICA FEDERAL 

O vereador Juninho Dias protocolou na Caixa Econômica Federal um ofício onde questiona a possibilidade da abertura de uma agência no bairro Zanaga, a fim de atender a demanda da população da região. Para o parlamentar, a abertura de uma unidade não beneficiaria só a população da região, mas a própria unidade bancária. “A região não tem banco, sendo o mais próxima na Av. Paschoal Ardito, contudo a agência de lá abarca uma grande área de Americana, com uma demanda alta de atendimentos, o que seria desafogado com a divisão do atendimento na região do Zanaga, por exemplo, sem mencionar a dificuldade de locomoção de muitos moradores. Além da falta de banco, não temos sequer lotérica, sendo a única da região no Jardim Brasil, distante para os moradores do Zanaga. A região está desassistida e merece um atendimento bancário próximo e de qualidade”.

A região do zanaga contava com uma unidade do Banco do Brasil que foi desativada no início deste ano.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE