Iti, Rappi e PicPay esquentam mercado de pagamentos

O pagamento de compras e serviços via celular ainda é tímido no Brasil, mas o mercado esquentou bastante este ano com a entrada do Itaú com seu produto ‘Iti’. Agora, o Iti tenta desbancar o PicPay, que teve postura agressiva durante todo o ano, e o RappiPay, associado ao multisserviço da startup colombiana. 
Pesquisa do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e a Confederação Nacional de Dirigentes e Lojistas (CNDL) mostrou que o telefone celular é o principal dispositivo usado para compras online por 33% dos entrevistados, e 74% deles usam o celular em pelo menos uma etapa da compra online.
Já em 2016 o celular foi o aparelho mais usado para acesso à internet (94,6% dos entrevistados para o módulo Tecnologia da Informação e Comunicação da PNAD Contínua do IBGE), diversos setores estão desde então de olho neste segmento. C.
Pagamento via SMS ou USSDOs pagamentos via SMS ou mensagem de texto são oferecidos no Brasil pelas operadoras de celular, como o Oi Carteira.
Como cada uma tem um sistema próprio, só é possível utilizar a solução da empresa com a qual o smartphone ou tablet foi habilitado??? a principal diferença entre o pagamento via SMS e o via USSD é a ausência de consumo de crédito do celular gerado pelo envio de mensagem de texto no segundo caso.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE