Invasão a Casa Branca. E não é filme

Trump foi levado a Bunker em mais uma noite e levante nos EUA

Os Estado Unidos veem sexta noite de protestos com Casa Branca às escuras e confrontos entre policiais e manifestantes. Atos contra o assassinato de George Floyd já se espalham por ao menos 140 cidades e 21 estados pediram a intervenção da Guarda Nacional.

A Polícia norte-americana disparou gás lacrimogéneo em frente à Casa Branca para dispersar manifestantes que protestavam contra a morte do afro-americano George Floyd, na segunda-feira passada, durante uma detenção violenta.

Cerca de mil manifestantes concentraram-se em frente à residência do presidente dos Estados Unidos, gritando palavras de ordem e ateando fogos, numa altura em que Washington regista confrontos violentos noutras partes da cidade.

O incidente deu-se uma hora antes do recolher obrigatório decretado pelas autoridades.

Sinais de trânsito arrancados, barreiras de plástico e até uma bandeira dos Estado Unidos foram usados como combustível para atear fogos no parque em frente à Casa Branca, enquanto a Norte da cidade se registaram pilhagens de várias lojas e um cinema.

 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE