Edit

Interesse de consumo das famílias cai

Os moradores da cidade de São Paulo demonstraram neste mês maior desânimo para compra de produtos e contratação de serviços. A Intenção de Consumo das Famílias (ICF), indicador da FecomercioSP (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de São Paulo), atingiu 124,8 pontos em janeiro, queda de 8,7% em relação ao mesmo mês do ano passado. Na comparação com dezembro, o recuo foi de 0,4%.

O índice sofreu grande influência da retração do item Momento para duráveis, que na comparação com janeiro de 2013 despencou 32%. Já sobre dezembro, a variação foi de -15,2%. Números esses que revelam uma cautela por parte das famílias paulistanas para a aquisição de bens duráveis.

De acordo com a entidade, o mau momento, na perspectiva dos consumidores, foi provocado pela recente escalada inflacionária, pelo encarecimento do crédito e pela elevação de alíquotas do IPI para determinados produtos. Também teve impacto negativo a desvalorização do real frente ao dólar.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE