Idosos recebem orientações sobre prevenção a quedas

O Clube da Melhor Idade de Nova Odessa promoveu na última sexta-feira, dia 4, uma palestra contendo orientações sobre como os idosos podem prevenir quedas. O médico geriatra Milton Santiago falou de medidas preventivas para as pessoas acima de 60 anos evitarem quedas, que ocasionam prejuízos na qualidade de vida na velhice e também podem levar a morte. Houve a distribuição de cartilhas aos presentes.

A iniciativa faz parte do projeto “Cair de maduro é só para fruta”, realizado pela Prefeitura através do Clube da Melhor Idade. A palestra foi viabilizada em parceria com a Unimed Santa Bárbara d’Oeste, Americana e Nova Odessa. “Idosos que praticam atividades física, como vejo aqui no Clube, ou obtendo essas informações que estamos passando, têm menos chances de cair e se machucar”, pondera o médico.
O geriatra falou das principais causas das quedas e os cuidados que os idosos devem ter, principalmente dentro de suas casas. “De cada 5 idosos que sofrem queda, 4 são mulheres”, revela Santiago. Segundo o médico, a frequência de quedas é maior no período noturno e em quartos, banheiros e cozinhas. “A pressa, por exemplo, é um fator inimigo do idoso”, acrescenta. O projeto é permanente e ainda terá novas ações.
O Clube da Melhor Idade iniciou este ano o Grupo Equilíbrio, exatamente para prevenir quedas e treinar a estabilidade e flexibilidade dos idosos. Com reuniões semanais, os usuários são atendidos por equipe multidisciplinar e, além de orientações, passam por avaliações físicas de acordo com uma escala de equilíbrio. O acompanhamento é de fisioterapeuta, educador físico, nutricionista e farmacêutica.
As reuniões ocorrem nas manhãs de quinta-feira e são realizados exercícios que ajudam os idosos a reconhecer a localização do corpo no espaço, além de fortalecer e a melhorar o equilíbrio. “A palestra é uma forma de acrescentar ao cuidado permanente com que temos com os idosos, que frequentam as atividades no Clube da Melhor Idade”, ressalta a coordenadora do local, Cristiane Mareschi Barbosa.
A primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade de Nova Odessa, Andréa Souza, destaca a importância do trabalho de saúde preventiva. “?? um olhar diferenciado da Administração, de cuidado integral com a saúde física, mental e emocional das pessoas acima de 60 anos”, frisa. “Idosos ativos e com mais qualidade de vida resulta em menos idas a médicos e hospitais”, finaliza.
O Clube da Melhor Idade de Nova Odessa possui mais de 2 mil pessoas com 60 anos ou mais cadastradas e aptas a frequentar as atividades oferecidas no local: Ginástica Localizada, Hidroginástica, Natação, Karatê, Judô, Vôlei Adaptado, Dança Coreografada, Canto, Pilates, Exercícios Funcionais e Jogos de Mesa (Dama, Truco, Dominó), além dos grupos específicos de trabalho com diabéticos e hipertensos.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE