Huck quer lucrar com macacos e se dá mal

 Luciano Huck foi alvo de duras críticas após sua grife, a Use Huck, lançar camisetas com mensagens promovendo a campanha ‘Somos Todos Macacos’, instaurada na web em apoio ao lateral do Barcelona Daniel Alves, que foi vítima de racismo no último domingo (27), na Espanha.
Tudo porque os internautas não gostaram nada do fato de o episódio de preconceito ser usado como um meio de, segundo eles, ganhar dinheiro. ‘Concordo, mas faturar em cima? Belo exemplo’, alfinetou um usuário do Facebook. ‘Oportunista! Será que os ganhos com a venda desta camiseta serão revertidos para alguma instituição de combate ao racismo?’, questionou um jovem.
Já outro seguidor da grife do marido de Angélica na rede social apontou a falta de modelos negros no site da empresa e na divulgação da campanha: ‘No site só tem modelos brancos. Está bem bonita essa diversidade mesmo’.
Para quem não sabe, durante a partida do Barcelona contra o Villarreal, na Espanha, uma banana foi arremessada sobre Daniel Alves, seguida de gritos de ‘macaco’ entoados por alguns torcedores. O brasileiro, então, sem perder a pose, comeu a fruta e depois cobrou um escanteio. 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE