Horto de Plantas Medicinais é inaugurado em Emefei de SB

Com o objetivo de criar um espaço de saúde, aprendizagem e vivência com plantas, a Emefei (Escola Municipal do Ensino Fundamental e Educação Infantil) ???Prof.ª Maria Augusta Canto Camargo Bília???, no Parque Planalto, inaugurou, neste mês, o Horto de Plantas Medicinais, Aromáticas e Condimentares ???Drª Nair Sizuka Nobuyasu Guimarães???. O horto é fruto do Projeto ???Horta e Jardim Medicinal: Espaços Saudáveis na Escola???, que envolveu diversos voluntários e parceiros, capacitações e troca de saberes ao longo de três anos. O novo espaço é voltado aos alunos, familiares, funcionários e comunidade escolar. 
Para que o projeto fosse viabilizado e a proposta da escola fosse atendida foram vencidas inúmeras etapas. Foram capacitações, oficinas e reuniões, envolvendo temas como: plantas medicinais, integração do horto com a história, geografia, matemática e biologia no cultivo, rotas de comércio e uso milenar. ???O projeto oportunizou o diálogo entre especialistas, voluntários e comunidade escolar, para a escolha das plantas e da área na unidade???, explicou a dirigente da unidade e gestora do projeto, Sandra Uetuki Nicoleti. 
A gestora também ressaltou a importância do projeto e da promoção dessas ações. ???O projeto permitiu a realização de um trabalho intersetorial e multidisciplinar, que não gerou despesas adicionais e otimizou os espaços ociosos. Com o apoio de universidades e especialistas, garantimos a qualidade dos trabalhos e promovemos experiências fantásticas aos envolvidos, oferecendo às crianças atividades que priorizam o contato com a natureza, estimulando a observação, raciocínio e incentivo à ação por meio do trato e manutenção das plantas??? disse Sandra. 
Sobre o projeto ???Horta e Jardim Medicinal: Espaços Saudáveis na Escola??? 
A unidade escolar escolheu o nome em seu horto de ???Drª Nair Sizuka Nobuyasu Guimarães???, médica sanitarista pela sua grande luta em favor da educação e melhoria na qualidade de vida da população. O horto possui um mascote projetado pelos alunos chamado ???Gravetolino???. 
O projeto realizado pela Prefeitura de Santa Bárbara d???Oeste por meio da Emefei ???Prof.ª Maria Augusta Canto Camargo Bília???, e seus alunos, profissionais e pais representantes do Conselho de Escola contou com o apoio da Secretaria de Educação, por meio do NEA (Núcleo de Educação Ambiental) ???Fioravante Luiz Angolini???, Secretaria de Meio Ambiente, Secretaria de Saúde, Viveiro Municipal, Rede de Municípios Potencialmente Saudáveis da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas), Esalq/USP (Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz/Universidade de São Paulo), DAE (Departamento de Água e Esgoto), entre outros.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE