Homem forte de Cristina na CEI da Odebrecht

A CEI (Comissão Especial de Inquérito) aberta na Câmara de Sumaré para apurar o contrato entre a Prefeitura e a empresa Odebrecht Ambiental vai ouvir o ex-secretário de Governo, João Alberghini Sobrinho, nesta segunda-feira (12), a partir das 10h, no Plenário do Legislativo. 
Ele é acusado de receber R$ 600 mil em propina para favorecer a Odebrecht Ambiental durante o processo de concessão do DAE (Departamento de Água e Esgotos). A denúncia foi feita pelo ex-executivo da empresa, Guilherme Pamplona Paschoal. 
A propina teria sido oferecida meses antes das eleições municipais de 2012. Dois anos depois, Alberghini também teria recebido R$ 200 mil da Odebrecht para financiar campanhas eleitorais do PSDB.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE