H Samaritano Campinas faz cirurgia inédita intrauterina

O Hospital Samaritano de Campinas realizou uma cirurgia intrauterina inédita na rede particular da cidade. Trata-se de um procedimento para a correção da mielomeningocele, que é uma falha no fechamento do tubo neural que compromete a medula. A paciente de 33 anos e grávida de 25 semanas passou pela cirurgia para minimizar os riscos de hidrocefalia no feto resultante de uma má formação. Segundo a paciente, o feto também tem Síndrome Arnold Chiari, uma malformação do crânio que acontece na altura da junção entre o pescoço e a cabeça.

???Por meio de uma fetoscopia, quando são utilizados pontos com materiais específicos para o fechamento da abertura no tubo neural, tentamos realizar a cirurgia???, informou o médico responsável pelo procedimento Maurício Saito, membro titular da Academia Brasileira de Ultrassonografia e dirigente de Medicina Fetal de várias instituições, que veio de São Paulo junto com sua equipe de profissionais.
Mas, infelizmente, ???não foi possível resolver o problema do feto por dificuldade técnica???, informou o médico ginecologista e obstetra, Mauro Villa Real, do PHS Samaritano Saúde e diretor clínico do Hospital Samaritano de Hortolândia. ???Mesmo assim, encaramos a técnica como inovadora na unidade que conta com uma expertise para poucos???, acrescentou.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE