Gestão. Santa Bárbara sobe e ‘cola’ em Americana. Lideram região

Santa Bárbara d’Oeste subiu e hoje está empatada com Americana no Índice de Gestão Municipal. Apesar de estarem em grupos diferentes, as cidades apresentam a mesma pontuação. As duas cidades aparecem com índice 6,77 (Americana) e 6,76 (Santa Bárbara). Santa Bárbara está no grupo 7 do estudo- composto por cidades Acima de 100 mil habitantes e PIB Per Capita de até R$ 28.636 por ano. Americana está no grupo 8, por conta do PIB maior.

O crescimento registrado em Santa Bárbara se deu depois da estabilidade política de quase 10 anos com os dois governos Denis Andia (PV), que acabou elegendo seu vice Rafael Piovezan como sucessor no ano passado.

 

SUMARÉ EM QUEDA E NOVA ODESSA ‘MEDIANA’- Sumaré tem caído nos últimos anos e hoje apresenta índice 5,95. A cidade, que está no grupo 8, já chegou a ter índice 6,74. Já Nova Odessa chegou a ter a melhor ‘marca’ com 6,81, mas caiu e hoje está atrás de Santa Bárbara- com nota 6,48.

 

METODOLOGIA E ÍNDICES- O IGM-CFA consiste em uma métrica da governança pública nos municípios brasileiros a partir de três dimensões: Finanças, Gestão e Desempenho. Foi elaborado a partir de dados secundários e considera áreas como saúde, educação, saneamento e meio ambiente, segurança pública, gestão fiscal, transparência, recursos humanos, planejamento e outras.

A partir da construção de extenso banco de dados municipais, que foram extraídos de bases públicas como STN, IBGE, PNUD e DATASUS, realizou-se priorização de indicadores e variáveis e, em seguida, por meio de tratamento estatístico, foi possível gerar um resultado para cada dimensão e para o Índice. Assim como boa parte de suas fontes, o IGM será atualizado anualmente.

Para ter acesso aos dados clique neste link.

 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE