FRIO. Americana convida pessoas em situação de rua para dormir em abrigo

A Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos de Americana vem intensificando o trabalho desenvolvido junto à população em situação de rua, principalmente nesses dias de alerta de temperaturas baixas. Na noite desta quarta-feira, equipes foram às ruas fazer o convite para as pessoas dormissem no abrigo. Também foi realizada entrega de cobertores.

O município conta, atualmente, com o Serviço Especializado de Abordagem Social (SEAS), que faz a busca, atendimento e encaminhamento deste público, e com o Serviço de Acolhimento Institucional, ambos prestados em parceria com a organização Vinde a Luz. Neste ano, o trabalho de abordagem já tratou com 733 pessoas em situação de rua, tenho sido acolhidas 277.

Segundo informações da Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos, as ações realizadas e as vagas para acolhimento foram ampliadas desde o início do ano e, especialmente neste momento de baixas temperaturas, estão sendo efetivadas ações conjuntas com a Guarda Municipal e a Defesa Civil no atendimento e encaminhamento dessas pessoas, além da ampliação da distribuição de cobertores e agasalhos.

“Sob o comando do prefeito Chico Sardelli, lançamos o programa de atenção à população em situação de rua com o olhar voltado para a população vulnerável, e o Comitê coordenado pela Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos vem intensificando ações articuladas para melhor atender essa população, ainda mais agora diante do cenário de baixas temperaturas”, esclareceu a secretária Juliani Hellen Munhoz Fernandes.

“Nesse período, o SEAS ampliou o trabalho de abordagem desse público, com a oferta de cobertores, agasalhos e de acolhimento no abrigo, sempre com apoio da Guarda Municipal”, completou Juliani.

Além dessas ações, Americana conta com outras organizações da sociedade civil e grupos voluntários, que atendem a população em situação de rua com a oferta de alimentos, agasalhos e o atendimento de outras necessidades, como banho, corte de cabelo e atividades de apoio. Essas iniciativas são articuladas junto à Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos e o Comitê Gestor para otimizar o atendimento.

O contato com o SEAS para abordagem à população em situação de rua pode ser feito pelo telefone (19) 99632-5032 ou acionando a Guarda Municipal pelo telefone 153.

 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE