França quer alguém pra morar na ilha deserta

O governo francês está atrás de um casal disposto a deixar de lado a vida agitada em sociedade para administrar a ilha de Quéménès, no arquipélago de Molène. 
O local teve seus últimos donos há 25 anos e, logo em seguida, foi adquirido pela Agência de Proteção Costeira da França.
 Em 2007, David Cuisnier e sua esposa, Soizic Cuisnier, mudaram para o local. Hoje, 10 anos e dois filhos depois, eles querem uma vida diferente. Quem topar cuidar da ilha precisa mudar na virada do ano. Você aceitaria?

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE