Edit

Feriado da consciência negra aprovado em AM

Depois de muito debate, e com o plenário lotado, os vereadores aprovaram, em segunda discussão, o projeto que institui o feriado da “Consciência Negra” em Americana. Comemorado no dia 20 de novembro, o feriado divide opiniões e atinge principalmente os comerciantes da cidade, representados no plenário pelo presidente da ACIA, Dimas Zulian, com posição contrária a aprovação do projeto.
“Nós fizemos o possível, fazer um terceiro feriado em novembro é um absurdo. Dá pra fazer a consciência negra, o combate ao racismo, o sentimento de igualdade social, de muitas formas”, explicou Zulian. 

Como o projeto pode ser vetado pelo prefeito Omar Najar (PMDB), Zulian afirmou que a ACIA deve procurar Omar para pleitear o veto. “O prefeito tem o poder de vetar o projeto. Nós vamos lutar até o último round para neutralizar essa situação. Não nos damos por vencidos”, finalizou. 
De acordo com Claudia Monteiro, membro da comissão da promoção da igualdade social em Americana, a intenção é que o feriado seja usado para realizar atividades relacionadas à causa. “No ano passado nós tivemos uma semana de atividades no CCL (Centro de Cultura e Lazer), nós esperamos que com o feriado isso possa ser mais evidenciado”, concluiu.
PRIMEIRA DISCUSS??O – Na primeira discussão, quinta-feira passada, o projeto teve apenas um voto contrário, o do vereador Luiz da Rodaben (PP). Rodaben defendeu arduamente em suas redes sociais a ideia de que novembro já tem muitos feriados e que mais um atrapalharia de maneira intensa o comércio. Para o vereador, o respeito ao negro se mostra no dia-a-dia e com a convivência. 
Hoje o projeto passou com três votos contrários. O de Dr. Otto Kinsui (PMDB),  Sacilotto (PSDB) e o já esperado, Luiz da Rodaben.    

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE