Feminicídio. Homem mata esposa a marretadas em Sumaré

Um crime hediondo marcou a noite da última sexta-feira na região. Um homem matou a esposa a marretadas em Sumaré. O caso aconteceu no Jardim Manchester.

O homem, de 31 anos, está desaparecido, mas teria confessado o crime ao pai em conversas de whatsapp. A motivação do crime ainda é desconhecida.

A vítima foi identificada como Adriany Regina Gomes Pina, de 30 anos.

No local, a polícia civil conversou com o irmão da vítima que afirmou ter escutado uma discussão e logo em seguida presenciou o cunhado fugindo em uma moto. O filho do casal, de 9 anos, teria presenciado o crime e correu pra pedir ajuda, afirmando que a mãe estava sangrando.

A marreta usada no crime foi apreendida para perícia.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE