Ex-coelhinha da Playboy promete detonar Trump

Uma ex-modelo da Playboy ??? que revelou ter tido um caso com Donald Trump durante nove meses ???, interpôs uma ação judicial contra um grupo de media que, em vez de publicar a sua história, lhe pagou pelo seu silêncio, avança o jornal The New York Times.
Karen McDougal é a mais recente mulher a levar a cabo uma ação judicial contra o acordo que, alegadamente, a impedia de falar sobre o caso que teve com Donald Trump antes de este se tornar Presidente dos Estados Unidos. A Casa Branca, no entanto, diz que Trump nega qualquer envolvimento com a ex-modelo da Playboy, adianta a CNN.
Pouco antes da eleição de Trump, o Wall Street Journal dava conta que o grupo de media American Media Inc. (AMI) ??? cujo diretor é amigo de Donald Trump, adianta o New York Times ??? pagou cerca de 150 mil dólares (aproximadamente 121 mil euros) à ex-modelo, mas não publicou a sua história. O dinheiro não era para pagar o exclusivo deste caso, mas sim para ???comprar??? o silêncio de Karen, avançou, na época o mesmo jornal.
???A AMI mentiu-me, prometeu-me coisas que não cumpriu, e repetidamente manipulou-me e intimidou-me???, disse a ex-modelo, num comunicado enviado ao diário USA Today. ???Eu só quero a oportunidade de seguir em frente com a minha vida e ver-me livre deste grupo de media, dos seus presidentes e dos seus advogados???, acrescentou.
No entanto, Karen McDougal não é a primeira atriz a levar judicialmente os ???acordos de silêncio??? a que são sujeitas. A atriz pronográfica Stormy Daniels levou Donald Trump e o advogado, Michael Cohen, a tribunal para terminar com um acordo a que alegadamente estava sujeita para manter em segredo o caso que teve com Trump há 10 anos. O The New York Times acrescenta que lhe foram pagos cerca de 130 mil dólares (aproximadamente 105 mil euros) pelo seu silêncio.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE