Estudante do RS quer refundar a Arena

A estudante Cibele Bumbel Baginski, que é bolsista do Programa Universidade para Todos (Prouni) na Universidade de Caxias do Sul, quer refundar Arena (Aliança Renovadora Nacional), partido que deu base para os militares no governo durante a ditadura no Brasil (1964-85). A jovem de 23 anos, que condena cotas raciais, assinou o estatuto e o programa do partido em publicação no Diário Oficial da União nesta semana. Fundada originalmente em 1966, a Arena dava sustentação ao governo militar. Os crimes cometidos no período são investigados pela Comissão da Verdade, instituída pelo governo federal em maio deste ano.
    ???    “O Prouni é pago com nossos impostos, inclusive os meus”
    ???    Cibele Bumbel Baginski, fundadora da nova Arena

Para Cibele, que cursa direito na universidade da Serra do Rio Grande do Sul, a bolsa no Prouni nada tem a ver com a posição contrária do novo partido a cotas raciais, de gênero, ou condições “especiais”. “Cotas que separam as pessoas por classe social, cor, opção sexual ou qualquer outro fator de segregação são uma coisa. Uma bolsa de estudos como o Prouni é outra. O Prouni é pago pelo governo federal com os nossos impostos, inclusive os meus. E a minha nota do Enem condicionou isto”, explicou a estudante.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE