Entidade quer juntar ‘cidades inteligentes’

Lançada oficialmente em abril, a Associação Nacional das Cidades Inteligentes, Tecnológicas e Inovadoras (ANCITI) passa a operar de forma ativa e direcionada na cooperação e no relacionamento entre as entidades municipais de TIC de todo o Brasil. Em assembleia online, representantes de 50 municípios chancelaram a eleição da primeira diretoria que ficará à frente da entidade.

O principal objetivo da ANCITI é promover o intercâmbio de conhecimento e melhores práticas entre as entidades de TI dos municípios brasileiros e com isso, aprimorar a qualidade de vida do cidadão, por meio do avanço das tecnologias. “O importante é salientar que essas entidades estão na ponta da cadeia de governo, mais próximas ao cidadão”, declara Thiago Rangel, superintendente da Prodabel, que presidiu o evento para os 50 representantes municipais. “Temos muito a aprender e trocar experiências, ganhando tempo na busca das cidades mais inteligentes”, ressaltou.

A diretoria da ANCITI será composta por Leandro Garcia (Prodabel/BH) como diretor presidente, Bernardo D’Almeida (EMPREL-REC) como diretor executivo, Carolina Barbosa (SEMPLA-NAT) como presidente do conselho de gestão, Diego Rodrigues (SEMIT-SLZ) como diretor de TI, Johann Dantas (PRODAM-SP) como diretor de gestão, Larissa Muritiba (STI-BET) como vice presidente do conselho de gestão, Leticia Batistela (PROCEMPA-POA) como diretora de parcerias, Luís Sabia (Citinova) como diretor de inovação, Públio Teles (SMCTDE-SRS) como diretor de inclusão digital e Samuel Araújo (COGEL-SA) como diretor de relações institucionais.

“Deste momento em diante cada cidade que a gente representa ganha um reforço no campo da tecnologia e inovação, ganha a experiência e conhecimento dos demais municípios envolvidos na ANCITI”, comentou o presidente eleito Leandro Garcia. “A sugestão é que a gente comece a utilizar de imediato todo esse poder adicional para melhorar a vida dos cidadãos e melhorar os nossos processos internos, esta associação pode conseguir usar o poder transformador da tecnologia e inovação para enfrentar os gigantes desafios pelos quais o mundo passa”, completou.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE