Enriqueça sua mente e o corpo através do Yoga

A prática que favorece a psique, corpo e espírito é comum entre os famosos. Entre seus praticantes estão: Isis Valverde, Grazy Massafera, Daniele Suzuki e Angélica.

Os benefícios são inúmeros: melhora a postura, flexibilidade, circulação sanguínea e até desenvolvimento de performance em outras atividades, como lutas e escaladas. Além dos benefícios para o corpo, a prática melhora a concentração, energia e saúde mental. 

Conheça a seguir alguns movimentos com a atriz Luiza César:

Foto cabeça para baixo com bumbum para cima – triângulo

1-      Se posicione de joelhos, com as palmas das mãos e o dorso dos pés no chão.

2-      Se preocupe com o alinhamento, então busque alinhar a cabeça com a coluna, os joelhos com os quadris e os punhos com os ombros. Buscando alinhamento no corpo, você acaba trazendo pra sua vida sem perceber.

3-      Conecte os dedos dos pés o chão e direcione o peso do seu corpo para eles, empurrando o chão com as mãos e mantendo sempre a coluna bem alinhada. Deixe o abdômen bem ativo neste momento, pata ajudar você com o alinhamento.

4-      Dobre os joelhos direito e esquerdo alternadamente e, caso não consiga esticar os joelhos após, não se preocupe, esse alongamento vem com o tempo. O mais importante é a coluna ereta.

5-      Ative o abdômen, alongue os ombros e coluna e respire fundo. Parabéns, você está fazendo a postura cachorro com a cabeça para baixo da yoga! Essa postura equilibra todos os chakras e é contraindicada no período menstrual e na gravidez.

Fotos cabeça para cima com corpo deitado

1-      Deite de bruços, com a testa no chão e o pescoço no prolongamento da coluna.

2-      Coloque firmemente as mãos ao lado das axilas, com os dedos voltados pra frente e separados. Mantenha os braços paralelos.

3-      Gire os ombros pra trás antes de alongar os braços, para se certificar de que seu pescoço não vai ficar com alinhamento encurtado.

4-      Pressione os braços no chão e eleve seu peito, alongando os braços. O quadril e os pés ficam em contato com o chão, eles precisam estar firmes para te dar estabilidade na postura.

5-      Não deixe de respirar e lembre sempre de manter os ombros e pescoço alongados. Parabéns, você está na postura da cobra! Essa postura ativa os quatro primeiros chakras, com foco no quarto, e é contraindicada em casos de hérnia, pressão arterial não controlada, problemas cardíacos, crises de enxaqueca ou na gravidez.

Foto segurando os pés:

1-      Deite de bruços, com a testa no chão, braços ao longo do corpo e pernas estendidas.

2-      Flexione os joelhos e tornozelos e aponte as solas do pé para o alto, aproximando os pés dos glúteos, até consegui segurar com as mãos as suas canelas.

3-      Gire os ombros pra trás, para ampliar o espaço entre os ombros e as escapulas, para não ter encurtamento muscular nessa área.

4-      Com as coxas enraizadas, pressione as canelas contra as mãos. Eleve gradativamente a cabeça e o peito do chão. A força está tanto nos braços, pressionando e subindo as pernas, quanto no abdômen e nas costas, para elevar o tronco.

5-      5- Parabéns, você está na postura do arco! Essa postura expande a capacidade respiratória e é contra indicada em casos de hérnia, hipertensão arterial não controlada, doenças cardíacas e assim como na gravidez.
 

Foto de ponte – cabeça para baixo:

    Deite-se de costas, com os pés paralelos no chão e afastados na largura do quadril. Aproxime os calcanhares dos glúteos.
    Eleve os braços pela frente do corpo, flexionando os cotovelos e apoiando as palmas nas mãos no chão, ao lado da cabeça, numa distância um pouco maior que a largura dos ombros. Os dedos apontam em direção aos ombros.
    Com pés e mãos alinhados, pressione ambos contra o chão, elevando conscientemente o tronco e arqueando a coluna. Sem colocar muito peso, pode colocar o topo da cabeça no chão para apoiar. Logo em seguida, estique seus braços, de modo que sua cabeça saia do chão.
    Ative seu abdômen, mantenha a intenção de esticar os braços e pernas (mesmo que você ainda não faça isso) e pronto. Parabéns! Você está na postura da roda. Além de ativar todos os chakras, fortalece os músculos das costas e os sistema respiratório e cardiovascular. ?? contraindicado em casos de hérnia, hipertensão não controlada, doenças cardíacas, crises de enxaqueca, no período menstrual e na gravidez.

Foto braço esticado e segurando o pé

    Posicione-se de pé, com pés paralelos na altura do quadril. Enraize bem os pés no chão.
    Transfira o peso do corpo para um dos pés, elevando o outro pé, aproximando o calcanhar dos glúteos, até que sua mão (correspondente ao lado da perna que levanta) segure no tornozelo.
    Verifique se seu quadril está alinhado, pois existe a tendência de manter o lado da perna que está sendo elevada em desnível.
    Aos poucos, eleve a perna com o apoio da mão, em equilíbrio, inclinando o peso para frente conforme a perna for subindo, para manter o equilíbrio do corpo.
    Ative o abdômen, mantenha o tórax voltado para frente e aberto, os quadris alinhados e mão livre, estique-a para frente, para ajudar ainda mais no equilíbrio. Parabéns! Você está na postura do dançarino. Está postura fortalece a musculatura das pernas e é contraindicada para quem tem dores na lombar.
 
Foto joelho no rosto

    Deite-se de costas para o chão, com os braços ao longo do corpo e as pernas esticadas.
    Dobre os joelhos e apoie os pés no chão, logo a seguir alongue sua cervical, descendo levemente o queixo para baixo.
    Traga os joelhos em direção ao peito. Pressione as mãos contra o chão e impulsione o quadril para trás, podendo colocar as mãos esticadas ao longo do corpo ou fazendo um apoio nas suas costas.
    Estenda os joelhos e incline as pernas em direção ao topo da cabeça, até que seus pés estejam alinhados com os seus olhos, visando sempre o alinhamento.
    Tudo bem se seus pés não alcançarem o chão de primeira. Se for esse o caso, ative ainda mais o abdômen para sustentar as pernas no seu limite. Aos poucos, o alongamento vai aumentando.
    Parabéns! Você está na postura do arado. Ao descer, desenrole sua coluna pelo chão devagar, utilizando as mãos de apoio, até voltar à posição inicial. Essa postura é um ótimo alongamento de coluna e é contraindicada em casos de hérnia, hipertensão não controlada, (…)

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE