Edit

Em Sumaré, vereadores vão atrás da imprensa

A reportagem na imprensa sobre um material de saúde encontrado em casa abandonada em Sumaré foi motivo de discussão na 26ª Sessão Ordinária realizada na noite desta terça-feira, dia 25. O vereador Marcos da Conceição, o “Prof. Marquinho” (PT), e o vereador Rui Macedo (PSDB) apresentaram requerimentos durante a sessão que serão encaminhados ao Poder Executivo pedindo informações para fiscalizar realmente o que aconteceu.
O requerimento nº 757, do vereador Marcos de Paula (PSB), cobra informações sobre ponte que liga o bairro Nossa Senhora da Conceição a outros bairros. Uma reclamação antiga dos moradores que pedem uma solução e o vereador primeiramente pede as informações para estudar o que está acontecendo e o que pode ser feito.
Os vereadores Prof. Marquinho, Fabio Ferreira, o “Fabinho” (SDD) e Edimundo Flor de Lima (PPS), apresentaram para discussão questões relacionadas ao esporte. Marquinho quer saber por que equipes de futebol de Campinas utilizaram o campo de futebol do Matão em Sumaré para disputarem jogo oficial. E Fabinho pede informações sobre o campo de futebol do Jardim Denadai. Já Edimundo pede informações sobre a reforma de quadra de esporte.
O vereador Fabinho também pediu informações sobre uma propriedade de posse do município no requerimento nº 740. O vereador Heliomar Geremias dos Anjos, o Mineirinho (PSC), pediu informações ao Poder Executivo sobre uma área de lazer no bairro Residencial Veccon. Ronaldo Mendes em seu requerimento nº 752 pediu informações sobre início e fiscalização das obras do PSF Nova Terra.
O vereador Décio Marmirolli apresentou três requerimentos nessa noite. O requerimento nº 755 que pede informações sobre a existência de um mapa geral das árvores plantadas em Sumaré. “Sabendo-se que em todos os bairros de nosso município a questão das podas de árvores são sempre razão de transtornos e sua demora resulta em acumulo de trabalho”, comentou. Por isso, o vereador solicita uma dedicação para realizar uma força tarefa para o trabalho de podas de árvores, adotando ainda um calendário para a realização de manutenção.
O outro requerimento de Décio é o de nº 753 que pede informações sobre a real situação dos casos de dengue em Sumaré e o que está sendo feito pela administração municipal para evitar uma nova epidemia.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE