Em debate morno, candidatos fazem ‘teste’ e decepcionam

O primeiro debate entre os candidatos a prefeito de Americana foi marcado por falas mornas e os candidatos se estudando bastante. Não houve qualquer exaltação, alguma insinuação e raros ataques diretos. A audiência foi altíssima, mas o horário alongado e o andamento leve fez cair a atenção na parte final.

Abaixo alguns destaques do embate.

Giovana Fortunato/PDT foi, mas participou a partir do segundo bloco. Chico Sardelli/PV foi duas vezes questionado a respeito do caso Mariana Ferrer- vítima de estupro que foi atacada pelo advogado do agressor em audiência, por Giovana e por Rafael Macris/PSDB.

NO ATAQUETalitha De Nadai/PSD talvez tenha sido, dos contendores, quem mais fortemente questionou os adversários. Questionou a relação de Sardelli com o governo Omar, mas recebeu que este foi parceiro de 1a hora de seu irmão Diego no governo. Com relação a Macris, ela perguntou porque ele retirou a assinatura em documento que pedia o depoimento de secretário de Omar a depor. Ela questionou duas vezes o tucano. Já Giovana bateu duro no governo Omar, o qualificando como ruim e que não olha para o povo.

KIM PARDAL, CRIVA ANTI  CORRUPÇÃO E ONDAS CAÇA BANDIDO– Um dos mais acionados para responder, Kim/SD soava muito tranquilo e chegou a brincar com a pecha que lhe foi imputada de ‘Professor Pardal’. Ele usou o tempo para explicar seus projetos e foi quem mais citou o ex-prefeito lendário Waldemar Tebaldi. Falando em corrupção, Major Crivelari/PSL fez ‘dueto’ com Dr Ondas/MDB para contar de sua vida pregressa, relembrou do evento de ‘fechar a Anhanguera’ e afirmou ser o candidato mais apto para acabar com a corrupção na cidade. Ondas também falou da experiência de vida, que Americana não pode cair em uma aventura.

DAE, EMPREGO E FINAIS– Defensor da concessão do DAE à iniciativa privada, Macris criticou a gestão do DAE, mas não atacou Omar ou Sardelli. Foi bastante enfático em sua fala final, elogiando o candidato a vice. Sardelli elogiou o ex-prefeito Erich Hetzl e seu candidato a vice, vereador Odir Demarchi/PL. Pouco se falou em saídas de geração de emprego, com saídas de pouca inovação ou muito pontuais.

 

 

 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE