Educação tem projeto de criatividade e autonomia

Trabalhando a imaginação, criatividade e autonomia. Com o objetivo de otimizar as práticas pedagógicas trabalhadas junto às crianças de 0 a 3 anos, atendidas em Creches, 22 profissionais do apoio pedagógico receberam na última quarta-feira (04) uma formação sobre atividades com materiais não estruturáveis.
 A formação contou com reflexões, manuseio e desenvolvimento de propostas de trabalho e os objetivos com materiais não estruturados. Eles podem ser recursos da natureza, como gravetos, pedras, tocos de madeira, conchas e também objetos recicláveis, como cones, bobinas, potes, caixas, tampinhas, cilindro de papelão, tecidos entre outros. “A atividade promove a ampliação e qualificação da utilização dos objetos nas unidades escolares, uma vez que a dinâmica envolvida melhora o desempenho das interações entre os alunos e professores, bem como desenvolve o potencial criativo. Quando a criança brinca com estes materiais, tem o poder de tomar decisões, experimentar e usar seu imaginário”, disse a secretária de Educação, Tânia Mara da Silva. As formações aos profissionais de apoio das creches municipais acontecem mensalmente nas dependências da Secretaria de Educação. Os temas são definidos após avaliação de necessidades. 

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE