Dois micos-leões nascem no Zoo Americana

No dia 24 de dezembro de 2013, dois micos-leões-de-cara-dourada nasceram no Zoo Americana. O mamífero habita tanto florestas ombrófilas mais próximas do litoral como florestas semideciduais mais interioranas. Os dois animais já se encontram no recinto para exposição permanente.O animal habita, normalmente, o sul da Bahia e extremo nordeste de Minas Gerais, ocupando uma área de aproximadamente 20 mil km². Seu corpo é negro, com mãos, pelos da face e ponta da cauda de cor dourada. Eles pesam entre 534 g (fêmea) e 620 g (macho), com até 25 cm de comprimento, sem a caudal.O mico-leão-de-cara-dourada consta como “em perigo”, segundo a IUCN (União Internacional para a Conservação da Natureza e dos Recursos Naturais) e na lista do IBAMA (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis). A Reserva Biológica de Una é a principal unidade de conservação dessa espécie, embora seja de tamanho reduzido para manter uma população viável a longo prazo.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE