Dois disputam partido de Bolsonaro em Nova Odessa

O partido do presidente Jair Bolsonaro ainda nem nasceu e já é alvo de disputa em Nova Odessa. Em Americana, em Santa Bárbara d’Oeste e Sumaré ainda não foram registrados ‘comandantes’ locais. A tendência é que o partido fique a cargo da deputada estadual Valéria Bolsonaro, que perdeu a disputa para o time do senador Major Olímpio no final do ano.
Provável candidato a prefeito ano que vem, o capitão Jackson Candiam correu para se identificar com o partido e buscar apoios. Mais ousado e com vivência no fazer política, o suplente de vereador Zé Pereira (Cidadania) correu e passou até a usar o anel símbolo da legenda nas redes sociais. Ele se auto intitula o Xerife do Consumidor da cidade e dirige o Procon.
O partido- Aliança pelo Brasil- terá a difícil missão de juntar 500 mil assinaturas checada e rechecadas até o final de março para poder disputar as eleições de 2020. As previsões não são boas para quem quiser concorrer a qualquer cargo ano que vem.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE