Dólar vai a R$ 3,55, recorde

(Reuters) – O dólar voltou a subir nesta segunda-feira e fechou no patamar de 3,55 reais pela primeira vez em quase dois anos, influenciado pelo movimento externo em meio a temores de que os juros possam subir mais do que o esperado nos Estados Unidos.
O dólar avançou 0,82 por cento, a 3,5528 reais na venda, maior nível desde 2 de junho de 2016 (3,5875 reais). Nas duas semanas anteriores, já havia acumulado valorização de 3,29 por cento.
Na máxima dessa sessão, a moeda norte-americana bateu 3,5598 reais. O dólar futuro tinha ganho de cerca de 0,65 por cento no final da tarde.
???O dólar segue o mercado externo e a perspectiva é que lá fora a moeda norte-americana continue forte. O noticiário não foi suficiente para acalmar???, afirmou o diretor de operações da corretora Mirae, Pablo Spyer, referindo-se à decisão do Federal Reserve, banco central dos Estados Unidos, sobre política monetária e dados mais fracos sobre o mercado de trabalho norte-americano, ambos na semana passada.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE