Dia do Pastor gera polêmica, mas aprovado

Os vereadores da Câmara Municipal de Americana aprovaram durante a sessão ordinária realizada nesta quinta-feira (1) no Plenário Dr. Antônio Lobo o projeto de lei Lei nº 106/2015, de autoria do vereador Téo Feola (PC do B), que institui o ???Dia do Pastor???, a ser comemorado, anualmente, no segundo domingo de junho. O projeto recebeu dezessete votos favoráveis e um contrário em primeira discussão. De acordo com o parlamentar, o objetivo é reconhecer o trabalho desenvolvido pelos líderes religiosos no município de Americana. ???Na maioria das vezes, os pastores se dedicam a esse trabalho no anonimato, sem nenhuma publicidade, como autoridade pastoral e líder espiritual frente à igreja, consolidando a fé e cumprindo uma função social, mantendo abrigos e comunidades carentes que muitas vezes o Poder Público não tem conhecimento ou alcance???, defendeu o autor. Durante a sessão, uma propositura foi rejeitada e oito foram adiadas a pedido dos parlamentares, voltando a discussão e votação nas próximas semanas.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE