Defesa Civil na Escola orienta 500 alunos

Em caso de queimada ou incêndio, a cortina de fumaça tóxica fica em cima e o oxigênio embaixo. O ideal é abaixar para respirar o oxigênio.  Esta foi uma das orientações que os alunos da Emefei (Escola Municipal de Ensino Fundamental e Educação Infantil) “Antonia Fagnoli Furlan”, no 31 de Março, receberam e praticaram no labirinto de evacuação para casos de incêndio durante atividade lúdica do Programa “Defesa Civil na Escola”.

Mais de 500 crianças da educação infantil ao ensino fundamental I participaram da ação. Essa foi a primeira escola a receber o programa este ano.

Promovido pela Prefeitura de Santa Bárbara d´Oeste, o “Defesa Civil na Escola” tem objetivo de criar uma cultura de prevenção e autodefesa, incorporando conceitos de redução de risco de desastre e/ou acidentes à educação escolar, além de preservação do meio ambiente. 

As atividades na Emefei “Antonia Fagnoli Furlan” começaram ano passado e seguem nos próximos dias. Um simulado de incêndio está marcado para o próximo dia 22 e a última atividade para o dia 30, com a passeata educativa integrada com a EMEI “Profª Mariana Fracassi Schimidt” e a Escola Estadual “Profª Benedicta Aranha de Oliveira Lino”, com o tema queimadas urbanas.

As próximas escolas agendadas para receber o “Defesa Civil na Escola” são CAIC “Irmã Dulce”, no Santa Rita,  CIEP “Dom Eduardo Koaik”, no Planalto do Sol e Escola Estadual Monsenhor Henrique Nicopelli, no Jardim Pérola.

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Siga-nos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE